Seja bem vindo



É curioso como não sei dizer quem sou. Quer dizer, sei-o bem, mas não posso dizer. Sobretudo tenho medo de dizer porque no momento em que tento falar não só não exprimo o que sinto como o que sinto se transforma lentamente no que eu digo.
Créditos
Theme base feito por: Princess-of-reality
Inspiração do theme por: Débora
Caixinha da ask (respostas) por: Bianca
Licenciado por: My free copyright


Theme totalmente feito por mim, é proibida a copia ou a inspiração nele, está proibida a copia total ou parcial de qualquer código utilizado aqui. lei federal nº 9610. não copie, isso é crime e seu tumblr será denunciado.

MyFreeCopyright.com Registered & Protected

"As pessoas são solitárias porque constroem muros ao invés de pontes." 

O Pequeno Príncipe (via ironica-a)

(Fonte: decifrandoavida, via makttu-b)

Data da postagem: 18|12|2013 - 41020 notes - (Reblogue, não copie.)

"Meu coração tá ferido de amar errado. De amar demais, de querer demais, de viver demais. Amar, querer e viver tanto que tudo o mais em volta parece pouco. Seu amor, comparado ao meu, é pouco. Muito pouco. Mas você não vê. Não vê, não enxerga, não sente. Não sente porque não me faz sentir, não enxerga porque não quer. A mulher louca que sempre fui por você, e que mesmo tão cheia de defeitos sempre foi sua. Sempre fui só sua. Sempre quis ser só sua. Sempre te quis só meu. E você, cego de orgulho bobo, surdo de estupidez, nunca notou. Nunca notou que mulheres como eu não são fáceis de se ter; são como flores difíceis de cultivar. Flores que você precisa sempre cuidar, mas que homens que gostam de praticidade não conseguem. Homens que gostam das coisas simples. Eu não sou simples, nunca fui. Mas sempre quis ser sua. Você, meu homem, é que não soube cuidar. E nessa de cuidar, vou cuidar de mim. De mim, do meu coração e dessa minha mania de amar demais, de querer demais, de esperar demais. Dessa minha mania tão boba de amar errado. Seja feliz." 

Caio Fernando Abreu (via reinventa-da)

(Fonte: casebre, via reinventa-da)

Data da postagem: 18|12|2013 - 7464 notes - (Reblogue, não copie.)

"Dói. Se me perguntarem o que acontece, só saberei responder isso: dói. Se me perguntarem onde é a dor, ainda assim só responderei: dói. Tudo tem a ver com aquele grito reprimido, aquele sonho escondido, aquele choro nem sempre contido: dói. Aquela vontade de cortar a garganta para não poder gritar. Aquela vontade de arrancar os olhos só pra não poder ver. Aquela vontade de esmagar o coração só para não poder sentir. Mesmo com todas essas coisas incapacitadas ainda assim doeria. Porque não está na garganta, nos olhos, no coração. Está em toda parte." 

Caio Fernando Abreu  (via reinventa-da)

(Fonte: resigno, via reinventa-da)

Data da postagem: 18|12|2013 - 8727 notes - (Reblogue, não copie.)

(via 1sandtrap)

Data da postagem: 07|06|2013 - 10321 notes - (Reblogue, não copie.)

"Amor, amor, amor amor e amor. Todos falam demais sobre isso, inclusive eu. Desde pequenos, somos ensinados, da maneira certa ou errada, o que é o amor. Sinceramente? Nunca soube ao certo o que é isso, às vezes, chego a duvidar de sua existência. Meu histórico com esse mitológico sentimento, retratado na pintura, na literatura, nos quadros e esculturas desde os primórdios de nossa existência sempre foi conturbado. Encaro o amor como uma guerra, todas as vezes que me encontrei com ele, foi como se um ônibus atropelasse o meu coração e partisse ele em milhões de pedaços. Eu poderia resumir todas as pequenas histórias de amor em três palavras: solidão, dor e abandono. Na minha vida, tudo sempre acabou da mesma maneira que começou, pessoas indo, e eu ficando, sozinho, sofrendo, por causa do abandono, descaso e da indiferença. A história sempre foi a mesma, porém, com pessoas diferentes. As pessoas são tão iguais, sempre abandonam, mentem e iludem. Talvez o amor exista e as pessoas não saibam amar. Andei por ai a procura de alguém que me tirasse o fôlego, alguém diferente, todos sempre foram iguais: me tiraram um sorriso, depois o coração, pisaram nele, destruíram meus sonhos e a minha confiança e depois se foram. Eu procurei amar, mas o que encontrei foram pessoas apenas dispostas a jogar. Ninguém ficou, todos se foram, e o que me restou foram os pedaços do meu coração que foram incontáveis vezes recolocados e colados. Talvez o amor não exista. Procurei melhorar, me recuperar, mas a tombo que eu levei, parece que fui me tornando distante, dos sentimentos e das pessoas. Se o amor existe, não existe mais espaço para ele dentro de mim. O que existe dentro de mim é um grande vazio, que cresce dia a dia, e que ninguém pode preencher." 

Geovanne Vasques. (via oescritor)

(via oescritor)

Data da postagem: 24|05|2013 - 535 notes - (Reblogue, não copie.)

(Fonte: nada-como-um-dia, via relevemorena)

Data da postagem: 24|05|2013 - 41181 notes - (Reblogue, não copie.)

(Fonte: porramauricio, via o-acaso-vaime-proteger)

Data da postagem: 11|05|2013 - 16449 notes - (Reblogue, não copie.)

!Hoje é meu ANIVERSAAAARIO GENTE! PARABEEENS PRA MIM! *——* 

Data da postagem: 30|04|2013 - 0 notes - (Reblogue, não copie.)

Eu acho que vou começar a amar de verdade a única pessoa que nunca me decepcionou: Eu mesma.

Chega de ficar implorando atenção de alguém que nem sente minha falta, vou me amar, amar aos que me amam, e a consequência será justamente o amor de volta, pois colherei o que plantei, e melhor, estarei no caminho certo para a felicidade […]


Choices of Life.

Data da postagem: 29|04|2013 - 2 notes - (Reblogue, não copie.)

(via nostalgicasverdades)

Data da postagem: 29|04|2013 - 8897 notes - (Reblogue, não copie.)

"Eu também sei iludir, sei colecionar corações. Eu sei fazer com que as lágrimas caiam. Eu sei enganar, sei brincar de ilusão. Só que interpretar esse papel, não vale a pena." 

Querido John (via renunciador)

(Fonte: querido--john, via foi-necessarioviver)

Data da postagem: 29|04|2013 - 54796 notes - (Reblogue, não copie.)

Dormir as 3,4 horas da manha, refletindo, pensando, fazendo planos que nunca irão dar certo, me iludindo mesmo no fundo eu sabendo que tudo isso não passa de uma ilusão, de fatos baseados em livros que li ..

A vida é complicada, nos prega cada peça que ficamos sem entender, apenas temos que aceitar e arranjar uma saída para aquilo que foi imposto, e sabe .. Não é nem um pouco justo!

As vezes eu queria trocar essa porcaria de coração por um pedaço de pedra! Seria mais fácil, mais cômodo, do que ser essa manteiga derretida que se apega e se apaixona tão fácil ate por um sorriso, por um olhar …

Mas eu sou cabeça dura! Não escuto minha razão, sempre vou pela emoção! E espero que as pessoas tenham atitudes que eu teria, e nunca têm! E me magoo de novo, de novo e de novo! Mas a culpa é minha, tenho culpa de não ser pé no chão, de ser tão idiota, as vezes acredito que tudo o que acontece é uma forma de a vida dizer: ”Anda menina, cresce, levanta a cabeça e aguenta, porque o mundo la fora é muito mais cruel do que esse mundinho em que você vive”.

Choices of Life.

 

Data da postagem: 29|04|2013 - 0 notes - (Reblogue, não copie.)

Incognita … 

Não é reciproco, eu sei, eu sinto, alias eu sempre soube, por isso até hoje me pergunto: Porque insistir nisso? Porque continuar sofrendo e lutando por algo em que as chances de darem certo são mínimas?

Eu juro que queria saber, queria mesmo, não ligar e esquecer seria tão fácil … Mas como sempre meu coração opta pelo mais difícil, pelo mais complicado.

As vezes penso que fui destinada a sofrer quando o assunto é sentimentos, pois tenho controle de tudo na minha vida, mas nesse sentido sou um desastre ambulante.

Eu sei o que eu quero … Mas sei o que devo ou não devo, eu tenho usado todas as minhas forças pra manter a calma e não fazer uma besteira, eu não quero que ele se afaste de mim, mas meu orgulho não quer que eu corra atrás, mas tenho medo, medo de que não entenda o que sinto e passo e que se afaste de mim.

Ai coração, porque me prega essas peças? ;/

Choices of Life.

Data da postagem: 29|04|2013 - 2 notes - (Reblogue, não copie.)

"Em tempos que ninguém tem mais tempo, que nada interessa, que nada se percebe e pouco se importa, agradeço aqueles que ainda percebem nossas dúvidas, suspeitas, sentimentos, estares, e ainda gastam um momento com a gente. É bom saber que existem aqueles que ainda insistem apesar de um “estou bem”." 

Sean Wilhelm.   (via versificar)

(Fonte: nevasca, via rascunhosparavida)

Data da postagem: 29|04|2013 - 10296 notes - (Reblogue, não copie.)

kkkkkkkkkk  boooa Helo

(via keepitunsaid)

Data da postagem: 29|04|2013 - 767 notes - (Reblogue, não copie.)
Página 1 de 299 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 »